Por que ter um avatar personalizado para o chatbot?

Caoa- Avatar personalizado
Aprenda o que é um avatar personalizado e como ele traz vantagens para sua marca.

Criar proximidade com o consumidor faz parte da estratégia de marketing de grandes empresas. Por isso, ter um avatar personalizado para o chatbot ajuda nessa aproximação. Afinal, vivemos em uma onda onde mascotes e influencers virtuais crescem cada vez mais.

Quem ainda não tem, pode estar perdendo uma grande oportunidade de conectar com seu público. E quem já tem, está se reinventando e modernizando para atender as exigências do mercado digital.

Mas você sabe qual o real motivo que levou empresas gigantes de mercado aderirem a avatares e mascotes?

Em uma era tão digital a resposta é simples e objetiva: Humanização.

Acompanhe o artigo e entenda como um avatar associado ao seu chatbot pode alavancar ainda mais o atendimento da sua empresa. 

Afinal, o que é um avatar personalizado?

Primeiramente, para deixar bem claro que quando falamos sobre mascotes e avatares, nos referimos a mesma coisa. Ambos são representações de um personagem que personifica uma marca.

Geralmente são utilizados na área de comunicação da empresa, e possuem características próprias. Combinam com as cores e branding da empresa, e tem seu tom de voz semelhante ao da marca.

A principal diferença entre os dois, está na forma do desenho. O avatar é a ilustração do busto do personagem, ou seja, cabeça, ombro e parte dos braços. Já um mascote é a ilustração de corpo inteiro do personagem.

Veja um exemplo:

Avatar para chatbot
Reprodução: Magazine Luiza

Por que ter um mascote para a empresa?

Com um mercado altamente competitivo, a principal importância de se ter um mascote para a empresa, é que a marca seja lembrada e fixada na mente do seu público mais facilmente, utilizando vínculos afetivos.

Eles tornam-se grandes aliados nas ações de relacionamento com o público e funcionam como interlocutores entre o cliente e a marca.

Contrariando a ideia de que ter um mascote é um movimento novo, usar personagens associados as estratégias de marketing nas empresas já é algo bem antigo, veja só: 

Os M&M’s falantes (Mars), o famoso peru Lek Trek (Sadia), o Urso Polar (Coca-Cola) e o lendário tigre Tony (Kellogg´s), são exemplos de mascotes que foram lançados há décadas. Você já deve ter visto algum deles na TV ou produto em algum momento da sua vida.

Leia também: WhatsApp Business: como funciona o aplicativo de contas comerciais?

Vantagens de um avatar personalizado

avatar para chatbot

São várias as vantagens de ter um mascote para a empresa, as principais que podemos citar são:

Exclusividade

O personagem é construído sob medida e segue as diretrizes da empresa. Não é preciso se preocupar se ele irá aparecer em algum anúncio da concorrência.

Preço

Contratar um ator ou uma celebridade para representar a marca e ter recorrência de renovação neste contrato pode ser desvantagem para a empresa, já que a empresa paga apenas uma vez para a criação dele.

Engajamento

Quando há uma brand persona por trás de um mascote, o público tende a engajar muito mais, principalmente com os canais de atendimento da empresa

Diminuição de risco

Seguindo a ideia da contratação de alguma personalidade, ao usar uma pessoa como o rosto da empresa, se ela tomar alguma atitude negativa, as consequências também acabam caindo sobre o negócio, afetando a marca.

Posicionamento

Pela exclusividade, o personagem reforça a identidade visual da marca, ajudando o público a memorizá-la com mais facilidade

Humanização

Um personagem com características afetivas que conversam diretamente com seu público-alvo, trás a ideia de uma marca mais humana que se preocupa com consumidor

Continue aprendendo: Atendimento ao Cliente: tudo que você precisa saber

Por que um avatar personalizado ajuda no atendimento da empresa?

avatar para chatbot

Além das vantagens já mencionadas anteriormente, um dos grandes fatores de se ter um avatar personalizado associado a estratégia de atendimento da empresa é que mascotes no geral, criam empatia e vínculos emocionais importantes para seguir um atendimento mais humano e fluido.

Quando a empresa tem uma figura que personifica a marca, acaba influenciando na psicologia do consumidor, pois ele acaba se comunicando com algo que tem rosto e voz, e não apenas com um símbolo.

Nesta mesma linha, quando há um avatar personalizado para o chatbot que tem personalidade e o rosto do mascote da empresa, cria nos consumidores a sensação de que eles estão conversando com alguém real ao invés de um robô.

Leandro Luís, Head de produtos à frente da unidade de chatbots da upFlow.me explica em entrevista:

“O atendimento humanizado começa pela própria definição do avatar, de um personagem para se comunicar com os nossos clientes. Pessoas gostam de conversar com outras pessoas, e no caso de um chatbot, de um personagem, e não com uma logomarca … gostamos de saber quem está do outro lado”.

Diante disto, o objetivo principal é fazer com que as empresas pareçam menos frias e burocráticas. Se aproximando dos seus clientes de maneira mais afetuosa e passando a ideia de que os chatbots estão lá para resolver a sua dúvida ou problema mais humanamente.  

Esse cuidado no atendimento torna a experiência do consumidor mais completa e pode ajudar a reter e converter mais clientes para a empresa.

Leia mais: Chatbot: o que é, como funciona, benefícios e cases

Como criar um mascote?

avatar para chatbot

A escolha do personagem de marca não acontece por acaso, todo o processo e desenvolvimento envolvem etapas de trabalho estratégicas de marketing e comunicação até chegar na construção do mascote em 2D ou 3D.

Antes de começar a criação de um mascote, considere alguns pontos importantes:

Todo o movimento está relacionado ao mundo digital, em que os consumidores estão interagindo cada vez mais com suas marcas favoritas. Por isso, ouvir e estudar o perfil do consumidor da marca é um ponto crucial para iniciar qualquer processo de criação.

Além disso, considere a identidade e branding da marca. Se não houver combinação entre si, a estratégia pode não gerar resultados, como pelo contrário, até atrapalhar a comunicação.

Uma das etapas da criação do mascote é construção da brand persona, onde o personagem traduz os valores, cores, personalidade e visão da empresa.

Outra etapa é definir o tom de voz que seu mascote irá se comunicar, essa comunicação tem que ser similar em todas as ferramentas ou plataformas que ele irá aparecer, como redes sociais, chatbots, site.

O desenho e personificação do mascote fica a cargo de um ilustrador, que deverá juntar todas as informações e sintetizar em um avatar personalizado e exclusivo. Ele irá estampar os futuros criativos de conteúdo da empresa.

Leia mais: Chatbots para e-commerce: 7 vantagens para a sua loja virtual

Como podemos te ajudar?

Avatar para chatbot

Agora que você entendeu porque utilizar um avatar personalizado em seu chatbot é uma boa estratégia para melhorar a experiência de atendimento da sua empresa, o próximo passo é contar com empresas que podem te ajudar, como a upFlow.me.

Com mais de seis anos de experiência no mercado, a upFlow.me apoia empresas a automatizarem seus processos de atendimento através da plataforma Take Blip. 

Com comprometimento total em fornecer as melhores experiências digitais e humanas desde o primeiro contato, ela faz parte do nosso ecossistema de parcerias há mais de um ano, e está apta a desenvolver projetos de chatbots incríveis, incluindo a criação de mascotes e avatares personalizados.

Confira o programa de parcerias de Take Blip

Take Blip

Take Blip

Take Blip acredita no poder das conversas para mudar o mundo! Oferecemos soluções conversacionais e somos parceiros de grandes empresas. Trabalhamos unindo o melhor em tecnologia e conhecimento humano, sempre absorvendo, antecipando e criando tendências. 🚀

Receba conteúdos como este em seu e-mail!

Sumário

Escolhas do Editor

Os mais lidos da Categoria

ebook gratuito