A eficiência operacional deve ser o objetivo de toda empresa que deseja ser referência no mercado. Afinal, qual equipe não gostaria de atingir mais resultados utilizando menos recursos?

Descubra neste artigo o que é este termo e como é possível aplicá-lo no dia a dia da organização. Continue lendo!

O que é a estratégia de eficiência operacional?

Ilustração sobre eficiência operacional

Em linhas gerais, o termo eficiência operacional se refere ao aproveitamento máximo de recursos de entrada na organização, para que as entregas sejam eficientes e eficazes, utilizando a capacidade máxima de produção da organização.

Ser uma empresa adepta da eficiência operacional, pressupõe-se uma estrutura de funcionamento de melhor aproveitamento, trazendo maiores lucros por cada venda.

Na prática de mercado, ter essa eficiência é equivalente a realizar as mesmas atividades que seu concorrente, entretanto, com maior lucratividade e qualidade. Isso porque, com processos bem acurados, é possível produzir mais com menos!

Quais são seus benefícios?

Na era onde a satisfação do cliente deve ser a prioridade, utilizar recursos que contribuam com esta e ainda auxiliem a empresa a alcançar um maior número de vendas sem perder a qualidades destes, é de extrema importância. 

Ao contrário do que parece, a eficiência operacional não surge apenas para a visibilidade de maiores lucros. Pelo contrário, o aumento das vendas é uma consequência da aplicação dessa técnica, mas os benefícios são inúmeros, como:

  • Maior sintonia das equipes de diferentes setores;
  • Preocupação com a qualidade passa a ser de todas as pessoas da organização;
  • Clientes conseguem comprar por menor preço, um produto com qualidade; 
  • Satisfação de clientes, geram novas oportunidades de vendas;
  • Mapeamento de processos e ações de melhoria passam a ser mais facilmente perceptíveis, quando se tem um processo claro e harmônico. 

Na prática, a eficiência operacional é o fim, e os meios são inúmeros, mas todos focados na melhoria contínua de processos e resultados. 

Objetivar a eficiência operacional leva à gestão a encontrar desperdícios, padronizar processos, conceitos e informações, eliminar burocracias desnecessárias, identificar desmotivação da equipe e conhecer seus custos.

Ou seja, analisar, compreender e evoluir todos os aspectos que interferem na performance, trazendo todo o time da organização para a imersão da eficiência operacional. 

Como aumentar a eficiência operacional da minha organização?

Depois de entender os conceitos e a necessidade de aplicá-los a empresas que visam o sucesso, é necessário compreender como melhorar a eficiência operacional dessas organizações. Para isso, separamos 5 dicas para alavancar a eficiência operacional da sua empresa, dá uma olhada:

1. Faça um mapeamento dos processos

Os processos são os caminhos pelos quais seu produto ou serviço percorre até que esteja pronto para a venda. Sendo assim, mapeá-los e compreendê-los é de extrema importância para que os gargalos sejam vistos e corrigidos, otimizando assim a produtividade e os resultados obtidos. 

Este mapeamento, ajudará a empresa a possuir registros padronizados, além de visibilidade em pontos de melhoria. Feito isso, é possível agir sob gargalos de tempo e de produtividade, objetivando a diminuição de percalços que atrasam sua eficiência operacional. 

Aplicações surpreendentes chatbot

2. Invista em tecnologia e na automação de processos

Para obter a melhoria do desempenho das tarefas e processos de produção da empresa é importante investir em tecnologia.

Seja através da implementação de softwares ou da inovação do maquinário, a tecnologia é forte aliada para garantir o melhor aproveitamento dos recursos materiais e humanos disponíveis, ajudando na redução de custos.

Sistemas integráveis, são os mais importantes em casos de busca pela eficiência operacional, afinal, levam as informações de ponta a ponta, fazendo uma ligação entre áreas e processos.

Um ótimo exemplo de otimização são os chatbots, que além de promoverem rapidez e facilidade pros clientes, conseguem registrar informações individuais de cada atendimento e aplicar a diferentes sistemas da empresa. 

3. Foque no treinamento da equipe

A busca pela qualidade extrema deve ser de todas as pessoas pertencentes a organização, sendo assim, treinamentos são indispensáveis.

Além de proporcionar novas informações, é preciso gabaritar o time quanto aos demais processos e a política organizacional para que eles compreendam o funcionamento da empresa, tanto no que diz respeito a sua postura quanto nas demais atividades exercidas, e se tornem colaboradores de alta performance.

4. Construa uma visão sistêmica da empresa

Antes mesmo de visões unitárias sobre cada processo, a gestão precisa ter a possibilidade de uma visão sistêmica estratégica de toda a organização e seu funcionamento.

Um bom profissional de operações pode ajudar nisso, pois será responsável por trazer os dados e insights sobre o desenvolvimento de cada área da empresa, além de indicadores chave para análises individuais e mapeamento de melhorias. 

5. Mensure e monitore os resultados

Através de um meio de análise estratégica, como apresentado na dica número 4, a gestão precisa definir KPIs da operação e usá-los como norte para avaliar a performance dos processos.

Através desse monitoramento, é possível avaliar a qualidade dos processos, das performances de áreas e individuais. 

Conclusão: faça mais com menos!

Ao longo desse post, destacamos algumas dicas que contribuem para o alcance da eficiência operacional de uma organização e com certeza farão toda a diferença em seu negócio. 

Essa é uma questão vital para o empreendedorismo e para o mercado: ter cada vez mais organizações eficientes e produtivas, que se preocupem não só com seu próprio desempenho, mas sim com a satisfação de seus clientes.

E se precisar de apoio tecnológico para melhorar a eficiência do seu negócio, conte com a gente! Take Blip é especialista em soluções inovadoras que otimizam comunicações na era digital 😉

Fale com um especialista

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *