Quem trabalha com vendas sabe muito bem que convencer o potencial cliente de que o seu produto é bom e merece ser comprado, não é o suficiente. Na verdade, muitos especialistas em estratégias de vendas já provaram que o que realmente interfere na decisão do consumidor não é o produto adquirido, e sim, a sua experiência na jornada de compra.

Isso acontece pois, por conta da vasta quantidade de informações disponíveis na internet e outros meios de comunicação hoje em dia, o consumidor não necessita mais de alguém para lhe explicar porque o produto da sua empresa é melhor do que os outros.

Afinal, ele já procurou informações sobre a sua marca, já sabe o que você oferece e, provavelmente, pesquisou sobre os seus concorrentes antes de decidir comprar com você. 

Por isso, o vendedor moderno deve se preocupar, principalmente, com a forma de abordar e tratar os seus potenciais compradores, tendo em mente, que a grande vantagem está em ter uma boa equipe e boas estratégias de vendas.

Se você deseja aumentar as suas vendas e bater as metas com facilidade, este texto é para você. Aqui iremos apresentar as principais estratégias de vendas e como elas podem ser aplicadas em seu negócio. Confira!

O que são estratégias de vendas?

As estratégias de vendas existem para ajudar uma empresa a se posicionar no mercado, gerar números e, consequentemente, aumentar a sua receita.

Sendo assim, podemos dizer que esse conceito diz respeito aos esforços que você e sua equipe fazem para fechar mais negócios e fidelizar mais clientes

Como falamos acima, o que realmente vai definir a decisão do consumidor, não é o produto, e sim, a sua experiência na jornada de compra. Por isso, ter essas técnicas bem definidas é essencial para aqueles que desejam ter sucesso em seu empreendimento.

Mas o que é preciso ter em mente para conquistar uma boa estratégia de vendas? Antes de tudo, é preciso entender que essas técnicas vão ser definidas de acordo com o contexto em que estão.

Por exemplo, uma estratégia aplicada em uma venda em varejo, não necessariamente funcionará em uma venda externa, ou em uma venda de serviços.

Mas de modo geral, podemos estabelecer algumas etapas essenciais e adaptáveis a qualquer uma dessas áreas. Veja abaixo: 

1. Encontre os potenciais clientes

Essa etapa consiste, basicamente, na geração de leads (ou, potenciais clientes). Em outras palavras, é o ato de conseguir alguns dados importantes de pessoas que de alguma forma demonstraram interesse pela sua empresa ou seu produto. 

Uma ótima maneira de fazer isso, é por meio do marketing de conteúdo. Você pode criar materiais ricos e interessantes, como posts em blog, ebooks, webinars e muitos outros. Essa é uma forma de atrair leads e conquistar informações em troca de conhecimento relevante. 

2. Converta os potenciais clientes

A partir do momento em que você consegue atrair esses leads, é chegado o momento de conquistá-los. Para isso, é necessário entender e atender a necessidade desses consumidores.

É aqui que entram as técnicas de vendas e negociação, elas ajudarão a mostrar aos seus leads que você possui produtos e serviços perfeitos para o que eles precisam. Mas lembre-se, o foco não deve ser o produto, e sim, a solução que ele oferece. 

Uma forma de colocar essa etapa em prática é por meio da prospecção, que pode ser feita por ligações, e-mails, eventos, e o que mais se encaixar na abordagem da sua empresa. 

3. Mantenha os seus clientes

Um grande erro de muitas empresas, é focar todos os seus esforços na venda e deixar de lado a experiência do cliente no pós-venda. O que alguns não sabem, é que manter os clientes da sua base, é muito mais importante e promissor, do que conquistar novos. 

Atrair um novo cliente, custa muito mais do que manter um cliente antigo. Além disso, clientes fiéis e satisfeitos, podem se tornar defensores e divulgadores da sua marca, fazendo com que você tenha um número cada vez maior de potenciais compradores. 

4. Venda mais para os clientes da sua base

Ao conhecer os seus clientes e suas dores, você pode antecipar as suas necessidades e, consequentemente, gerar mais vendas. Uma boa maneira de fazer isso, é por meio de um CRM aliado ao marketing de relacionamento

Ninguém pode negar que vender para clientes da sua base é muito mais fácil do que vender para um cliente de fora, certo? 

Quais são as 5 melhores técnicas de estratégias de vendas?

Agora que entendemos o que são estratégias de vendas e quais as suas 4 principais etapas, nós vamos apresentar algumas técnicas concretas para você aplicar em seu negócio e assim, gerar cada vez mais números para a sua empresa. 

Como já falamos, não adianta usar o mesmo discurso para todos os contextos. Por isso, é importante que você conheça bem as suas estratégias e se adapte de acordo com as oportunidades. Confira: 

Estratégias de vendas

1. Seja autoridade no assunto

É importante que o potencial cliente saiba, desde a primeira até a última etapa da jornada de compra, que você, mais do que ninguém, domina a solução oferecida pela sua empresa.

Por isso, conheça o seu produto, entenda a sua persona, mapeie os seus concorrentes, e faça o que estiver ao seu alcance para se tornar um especialista em seu seguimento. 

2. Tenha empatia ao aplicar estratégias de vendas

Um bom vendedor é aquele que escuta mais do que fala. Por isso, a empatia é uma das estratégias de vendas que não se pode deixar de lado. Coloque-se no lugar do outro e queira, de verdade, entender a necessidade do seu consumidor. 

Crie conexão com o lead, transmita confiança em suas perguntas e, principalmente, realize a “escuta ativa”. Deixe-o falar e anote tudo o que for relevante, pois isso será importante na hora de apresentar uma solução.

Por fim, de maneira alguma, empurre um produto. Essa atitude compromete a experiência do lead com a marca e quebra toda a confiança que deveria ser conquistada. 

3. Contorne objeções

Tenha em mente as possíveis objeções que o seu potencial cliente possa ter. Uma maneira de treinar isso, é pensar em situações diversas durante o discurso de vendas, que podem, eventualmente, gerar dúvidas ou desconfiança no lead. 

Tenha mapeado essas situações e saiba, desde o início, como contorná-las. Isso te ajudará a superar as dificuldades na venda e gerará maior confiança no lead.

Mas atenção, não caia na zona de conforto. Busque sempre aprimorar e testar novas abordagens.

4. Crie senso de urgência

Utilize técnicas para gerar urgência no consumidor. Além de te ajudar a bater metas, essa estratégia é importante para evitar que você perca tempo com leads que não pretendem de fato adquirir o seu produto

Use gatilhos mentais que contribuam no fechamento do negócio e, principalmente, não esqueça de realizar o follow up. Isso é importante para que o cliente saiba que você não deixou ele na mão. 

Mas lembre-se: gerar senso de urgência não é pressionar o lead

5. Planeje a sua rotina e use a tecnologia ao seu favor

Para que essas estratégias de vendas funcionem, é necessário que você tenha a sua rotina bem planejada e organizada. Defina as suas atividades e os melhores horários para realizá-las. 

Além disso, utilize a tecnologia. O uso de um bom CRM é essencial para gerir as suas oportunidades. Dessa forma você otimizará as suas tarefas, será mais produtivo e, consequentemente, venderá mais. 

Acione também outras ferramentas — como chatbots — que podem auxiliar no momento de enviar comunicações assertivas para o seu público.

Agora que você entendeu o que são estratégias de vendas e quais as principais técnicas utilizadas para aumentar o número de negócios na sua empresa, está na hora de colocá-las em prática e bater todas as metas do mês! Continue no nosso blog e descubra também as melhores estratégias de marketing para 2021!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Talvez você goste desses conteúdos também: